Redução de gastos na empresa: como isso afeta o setor do RH?

A situação econômica brasileira melhorou um pouco do 2o semestre de 2017 até os dias de hoje. Porém, para continuar mantendo a saúde financeira das organizações ainda pode ser necessário realizar uma redução de gastos. Esses cortes afetam todas as áreas — incluindo o RH — de maneira diferente.

Entenda, neste artigo, quais são os impactos desses cortes na área de recursos humanos e como reduzir os efeitos da redução de gastos na empresa.

A importância da área de Recursos Humanos

A área de recursos humanos é essencial para qualquer organização. Isso porque o RH é o responsável por tratar das estratégias de pessoas alinhadas aos resultados organizacionais. E são exatamente os trabalhadores que geram os resultados reais e impactam verdadeiramente um negócio.

O RH é o setor responsável pela avaliação da necessidade de novos funcionários, assim como a criação de um perfil ideal e realização do processo seletivo. Além disso, é essa área que realiza pesquisas de clima e satisfação e avaliações de desempenho da equipe. Também é responsável pela criação e manutenção de um plano de carreira, desenvolvimento de lideranças, capacitação e treinamento dos trabalhadores, entre outras funções.

Dessa forma, o RH de uma empresa é responsável por gerar uma articulação entre as áreas do negócio, assim como entre os colaboradores e diretores. Ele gera insumos para a tomada de decisões mais assertivas, além de trabalhar para a captação e manutenção de talentos na organização.

Com isso, a diminuição de investimentos nessa área pode gerar impactos na instituição como um todo, agravando ainda mais a sua situação financeira. 

Impactos da redução de gastos para o setor 

Por sua importância dentro do negócio, cortes financeiros no departamento de RH podem gerar diversos prejuízos. Entenda agora quais são eles:

Perda na qualidade do treinamento dos colaboradores

Uma das consequências é a possibilidade de gerar problemas para a promoção de treinamentos e capacitações dos colaboradores do seu negócio. Com isso, os seus funcionários podem não ter as habilidades e competências exigidas para a realização do trabalho com excelência.

Isso gera prejuízos no trabalho final, o que tem impacto na qualidade do produto ou serviço que você oferece para o seu cliente. Assim, sua empresa se torna menos competitiva no mercado, atraindo menos clientes e diminuindo as suas chances de fidelização.

Queda na produtividade 

O RH é o setor responsável, juntamente com as lideranças, por criar ações estratégicas para melhorar a satisfação e produtividade dos colaboradores. A diminuição dos investimentos nessa área pode gerar impactos negativos na satisfação dos funcionários com a empresa. Assim, a motivação e engajamento com o trabalho diminuem, o que gera queda na produtividade.

Aumento da rotatividade

Cortes de gastos podem gerar recuo nas estratégias de manutenção de talentos da área. Além disso, pode haver queda nos índices de satisfação dos funcionários com o ambiente organizacional, assim como cortes de benefícios.

Tudo isso gera um aumento da taxa de rotatividade na empresa. Isso faz com que a organização tenha que investir em um novo processo de recrutamento e seleção para preencher esses cargos em vacância. Dessa forma, a redução de gastos na empresa acaba se voltando contra o próprio negócio, gerando mais despesas.

Menos investimento no desenvolvimento de lideranças

Toda empresa precisa desenvolver alguns integrantes para assumirem cargos de liderança dentro da organização. O setor responsável pelo plano de carreira e desenvolvimento de lideranças é o de recursos humanos.

Com menos investimento podem surgir impactos na estratégia de desenvolvimento de lideranças, uma vez que o setor pode não ter recursos suficientes para investir no treinamento desses funcionários com potencial. Dessa forma, a sua empresa pode encontrar problemas para nortear os negócios a longo prazo.

Impactos no alinhamento dos colaboradores

O departamento de RH também é responsável por manter os colaboradores alinhados aos objetivos estratégicos e valores da empresa. Dessa forma, menos investimento pode prejudicar projetos com esse objetivo. Com isso, há diminuição no engajamento dos trabalhadores com metas a curto, médio e longo prazo da organização, prejudicando seus resultados.

O RH no planejamento de redução de gastos na empresa

É essencial que toda estratégia de redução de gastos inclua um bom planejamento prévio, com a participação ativa da equipe de RH. Isso porque cortes de recursos sem uma boa estratégia podem se voltar contra a própria organização, impedindo que ela cresça e se mantenha relevante no mercado.

Além disso, é essencial que o gestor de RH saiba bem o seu papel nessa situação. É ele quem deve mensurar e apresentar os resultados da sua área para os outros gestores. Assim, eles percebem a importância e relevância do setor no bom funcionamento do negócio como um todo.

O gestor é quem precisa reestruturar o planejamento da sua área, estabelecendo prioridades e projetos que não podem ser abandonados com a diminuição de custos. Ele também deve definir os recursos necessários para o bom funcionamento do departamento, de forma que o corte não impacte negativamente a instituição.

Vantagens de incluir o RH no planejamento 

Incluir o setor de RH em tal estratégia contribui para garantir o crescimento e desenvolvimento organizacional, uma vez que permite que essa área tenha recursos para investir no treinamento e capacitação de funcionários. Além disso, também garante o desenvolvimento de liderança dentro da empresa, investindo no crescimento a longo prazo.

A participação do RH em tal esquematização também garante que essa área continue seus projetos para melhorar o ambiente de trabalho e o clima organizacional. Dessa forma, os trabalhadores do negócio têm maior clareza sobre os valores e objetivos da empresa, engajando-se em atingir os resultados pretendidos.

Com isso, a instituição mantém seus colaboradores satisfeitos e motivados, o que tem grande impacto na sua produtividade. Isso também permite a manutenção da qualidade dos seus produtos e serviços, melhorando a experiência dos seus clientes na sua organização.

Portanto, é essencial que o setor de RH participe do planejamento da redução de gastos na empresa. Dessa forma, você se mantém competitivo no mercado, propiciando o crescimento da sua organização.

E, para ficar sempre por dentro dos nossos conteúdos e desenvolver cada vez mais o seu empreendimento, curta nossa página do Facebook!

Deixe um comentário
Share This